terça-feira, 28 de dezembro de 2010

The captain of my soul


Há três anos eu decidi sair de um emprego e me arriscar a fazer histórias em quadrinhos. O plano, ou melhor, o sonho era simples: desenhar para a Marvel, ganhar muitos dólares, ser conhecido e dar autógrafos em convenções de quadrinhos por todo o mundo.

Hoje, o meu sonho é outro. Eu quero continuar fazendo quadrinhos, simplesmente porque eu adoro fazer isso.

Hoje, eu quero fazer quadrinhos, não pra ganhar muito dinheiro, ou pra ser indicado a prêmios, nem pra entrar em listas de “melhores do ano”. Dane-se tudo isso. De verdade. Eu quero contar as histórias que eu quiser contar, quando eu sentir que elas devem ser contadas, pra quem quiser lê-las. Histórias que digam alguma coisa para essas pessoas, que toquem elas de algum jeito, que mudem para sempre as vidas delas, nem que esse para sempre seja por alguns minutos.

Hoje, eu quero ser bom de verdade, desenhar tão bem quanto meus artistas favoritos. Mas eu não quero só desenhar. Quero contar histórias diferentes das que eu já leio por aí. Histórias que signifiquem alguma coisa pra alguém, do mesmo jeito que tantas histórias que eu li quando era pequeno significaram tanto pra mim.

Hoje, eu não me arrependo da decisão de três anos atrás. Uma hora a gente tem que olhar pra dentro pra ver o que quer fazer de verdade. Tem que tomar uma atitude, por mais difícil que seja. Não deixar seu sonho ir embora pensando “ainda não é hora” ou “eu não sou bom o bastante”. Tem que arriscar. Porque só quando somos testados é que a gente descobre quem a gente é de verdade. Hoje eu sei quem eu sou, o que eu quero e, principalmente, sei quem eu quero ser.

Vai ser ótimo se um dia eu desenhar uma história do Homem-Aranha pra Marvel ou conseguir me sustentar só fazendo quadrinhos. Mas eu não penso nisso agora. Tô ocupado demais começando a viver o meu sonho.

33 comentários:

Mauricio Rett disse...

Parabéns!!! Pelo sonho sendo vivido! Pelo texto! Pela imagem que ilustra o post!

Rodrigo Medeiros disse...

Só eu me emocionei? =)

Von DEWS! disse...

Não comento muito aqui, mas é isso aí! A gente carrega, às vezes, muito o estigma do sucesso, temos que ser os maiorais, os vitoriosos supremos e blá! Mas em vez de pensar no resultado o legal é isso, curtir o desenrolar da coisa.
Lembro até hoje quando vi a primeira vez uma tirinha sua, lá no Orkut, foi uma das melhores surpresas no quesito quadrinhos nacionais.
Acho que seu futuro é aqui mesmo, fazendo isso que gosta, sem demagogias, sem prepotência e sem todos esses defeitos que assolam os quadrinistas, quadrinhólogos e quadrinhólotras que inundam esse país!
Parabéns, Vítor!
Sou seu fã!^^

Fernando S. Trevisan disse...

Por isso que eu acho que devia ter algo de assinatura do Puny aqui, pra gente mo$trar o apreço de uma forma mai$ objetiva $abe?

Assino o "Nerdson não vai à escola" bem para incentivar aquilo que me dá prazer de ler.

E o Puny me dá um prazer enorme, é um trabalho fantástico, Vitor. Parabéns, obrigado e bota o paypal aí!!!

Abs!

Adauto disse...

Perfeito.

Simples assim.

TCZ disse...

Nossa, Courtney Crumrin! Pensei que só eu tinha lido isso =D

E foi inspirador o teu texto, não menos que isso.

ila fox disse...

Verdade, uma hora os nossos sonhos batem na porta e nos cobram uma atitude. Me lembro do quanto eu estava infeliz trabalhando num catálogo de eletrônicos, blergh.

Embora os elogios sejam muito agradáveis deixando a gente feliz, sou suspeita pra falar, pois gosto muito do reconhecimento em forma de dinheiro também. Desenhar é um sonho que me ajuda a realizar outros sonhos. ;-)

Sendo assim, espero que logo você possa ganhar milhões com seus quadrinhos, morar em Nova York, ter um estúdio e salvar o mundo! \o/

E que 2011 seja o melhor entre todos os anos que já passaram!

liber disse...

Parabéns.

Você, sem dúvida, faz a diferença.

Um ótimo 2011 pra ti.

Abraços!

LucasFAdS disse...

PQP mano, vc escreveu super bem! esse texto ajuda a pessoa a querer se superar e buscar oq deseja. continue sendo esse ótimo desenhista q vc eh, e se for possivel, fique melhor ainda (oq deve ser um pouco dificil). q 2011 seja ótimo pra vc e para nós com suas tirinhas... parabens ^^

Vitor 87 disse...

Que bom que está vivendo o seu sonho, Vitor! É o caminho mais fácil pra se tornar realidade. Torcendo por você... Sandra e Vitor ☺ ☻

Beto disse...

Gostei demais deste post Vitor, porque isso é o mesmo que eu sinto. Eu passei também por issa fase de tentar muitas cosas na vida, até as que não tiveram nada a ver com o desenho, só para voltar e me dar conta que o que sempre quis fazer é HQs e histórias através do meus personagens e partilhar-as com todo o quem quiser aí fora, dos jeitos que sejam. Apenas estou iniciando a sério com isso, mas a meta minha e, daquí a três anos (então terei 40) dizer o mesmo que você diz agora. A vida é curta demais para ficar pospondo o que faz você feliz. Parabéns :)

trovador disse...

Hey, cara!

Eu, como o Von_DEWS, tb não comento muito aqui, mas... Esse é um dos melhores blogs de quadrinhos que eu vejo e acompanho. Não só pela sacada de ilustrar o pequeno Peter Parker, mas também a arte que é magnifica e as histórias são cheias de significados.

Gosto muito!

Pode ter certeza que num futuro não tão distante (eu espero), quando eu tiver meus filhos, eles vão vir pedir pra mim "Pai, posso comprar essa revista do Homem-Aranha nº 14082?", eu vou olhar e ver: Ha, eu conheço esse autor ae... ^^

"Compra duas, filho, que uma vai pra minha coleção pessoal" :P

Parabéns cara, e o sucesso vai vir.

Simplesmente pq ele vem pra quem gosta do que faz e faz muito bem ^^


Abraços e tudo de bom!

Raphael disse...

Acho que num preciso chover no molhado certo? Num preciso falar que eu amo seu blog (de verdade!), que o texto foi bonito e inspirador?

E eu preciso falar que eu tbm me identifiquei?

Estou na mesma situação que você a três anos atrás. Eu não consigo ver bons motivos para me lançar no meu sonho, eu só vejo as coisas que me prendem no trabalho atual (chato pra caralho), deveres, faculdade (tenho que pagar) e... sei lá. num sei bem oque fazer além de esperar um pouco mais.

mas vc me inspira. e prometo pra quem quiser ouvir, que eu vou fazer 2011 ser diferente.

Estou esperando ansiosamente sua hq (e a da sua irma tbm) sair.

Obrigado e continue inspirando sonhos

grande abraço e sucesso

Lionel disse...

Parabéns pelo texto, com certeza vai conseguir realizar seu sonho. Tem talento pra isso.

liofreitas.blogspot.com

Denis Mello disse...

Irado o texto, Vitor!
Eu acho foda quando alguém abre mão de um trabalho, ou enfim, de qualquer tipo de coisa que o impeça de seguir seu sonho, independente de qual ele seja, para correr atrás dele.

Talvez fosse mais prático, mas com certeza menos prazeroso, e acho realmente admirável atitudes como a sua.

Seu blog é muito legal, sempre curti, e tenho certeza que 2011 será generoso pra você.

Abraço meu camarada, espero que possamos nos ver algumas vezes num futuro próximo!

;)

Carol Barros disse...

Posso dizer que acompanho a história desde antes do emprego abandonado, né mesmo?

Você merece o melhor, menino. Só o melhor. Você vai ser ótimo em o que quer que você decida fazer.

Vou torcer sempre por você!

silvio.misono disse...

Cara já era fã do Puny Parker agora sou fão também do homem por trás dele.

Mandou muito bem!

Ary disse...

Cara, você não sabe o quanto seu texto me inspirou! ^^

Engraçado como pensamos igual em alguns pontos: contar boas histórias, como quiser-mos contá-las, para o público que as quiser ler. E o mais importante, tentar fazê-las diferentes, não meras homenagens que beiram a cópias, mas algo que realmente possa fazer a diferença.

Acho que nesses três anos, você deve ter se tornado um cara sábio, Caffagi. Estou me esforçando, e se tudo der certo, espero algum dia também poder viver de meu sonho, e quem sabe não nós encontramos em alguma feira de HQ´s por ai. Seria uma honra! ^^

Abraço meu véi, e um feliz ano novo para você e todos do blog.

Johnny Brito disse...

Cara, que post incrivel, Tinho!
Eu sei que parece puxação de saco minha ficar dizendo isso tantas vezes...mas desde que vc era só o "irmão mais velho e legal da Tchu" eu sempre acreditei cegamente no seu talento e no seu futuro brilhante!
Eu mantenho uma listinha mental de "amigos que um dia serão merecidamente famosos" e vc tá no topo dela há muito tempo! Tenho muito orgulho de ser seu amigo, muito orgulho de ver que vc teve coragem pra largar tudo e correr atrás do seu sonho, muito orgulho do talento indiscutivel que vc tem!
Sua historia sempre me inspira.
Eu tbm acredito piamente no seu potencial como contador de historias..não só pelas que eu já li, mas pelas que ouvi vc contando nas poucas vezes que nos encontramos :D.
Em janeiro, se Deus quiser, estou ai em BH! Espero ouvir mais um monte de historias fantasticas! E quem sabe, te contar uma...e esperar que vc queira contá-la comigo! Huaahahuah...te explico melhor quando tiver ai!
Abração, Tinho! Um otimo 2011 pra vc! \o/

Cafaggi disse...

Um comentário mais legal do que o outro, gente. Brigadão mesmo a todos vocês.

Só uma coisa, pra quem escreveu aqui que se inspirou com o post e planeja seguir o mesmo caminho.. é preciso ter um mínimo de planejamento pra fazer isso. Do momento em que eu comecei a pensar em deixar um emprego pra fazer quadrinhos, até eu realmente fazer isso, passou um ano e meio. Nesse tempo eu trabalhei o dobro do que já trabalhava pra poder fazer uma poupança que me desse uma segurança por alguns meses. Vale a pena correr atrás do seu sonho. Mas prepare-se pra isso antes.

Mais uma vez, valeu.

Marcel Ibaldo disse...

Resumiu tudo.
Também sou quadrinhista, e volta e meia o cara se incomoda um monte pra publicar uma HQ ou realizar um evento, etc, e aqueles minutos de trabalho com a devida resposta positiva do público compensam aquelas intermináveis horas procurando recursos, correndo atrás do prazo, ou montando o espaço pra uma exposição.

Só isso já vale a pena, mas se um dia isso vier acompanhado de algum $ que consiga pagar o aluguel vai ser melhor ainda.
Mas um passo de cada vez.

Parabéns pela postagem, pelo blog e por insistir na tua arte.

http://ibaldomarcel.blogspot.com/

http://quadrinhossa.blogspot.com/

Diário de um desenhista em evolução. disse...

Cara, acompanho suas tirinhas a algum tempo, toda semana estou por aqui quando sai uma nova e sempre indico pra galera, via twitter, ou no boca-a-boca ou da maneira que for.

Suas tirinhas são muito bacanas, tanto traço quanto roteiro, ambos são muito bons e divertidos.

3 anos atrás tomei uma decisão parecida, e hoje me divirto muito trabalhando com arte para games, tenho amigos muito legais e estou sempre criano novas artes, sejam quadrinhos, animações ou o que quer que pinte. O desafio de sempre estar fazendo coisas novas é o que me atrai, e me identifiquei muito com o que disseste no teu post.

Parabéns, meu velho. Fico muito contente em ver que há mais desenhistas no Brasil que se preocupam em evoluir e fazer o que gostam do que com fama. Fica na paz, tchê!!

Katchiannya disse...

Seu post fez meus olhos encherem de água, exatamente porque é meu sonho também. Acho que você sabe disso, já devo ter comentado.

Não é fácil largar tudo e correr atrás de um sonho. Dá trabalho e muitas vezes dá vontade de desistir.

Eu poderia ter continuado na Psicologia, ganhando muito mais, mas sendo muito mais infeliz.

Já me falaram que sou louca por ter "jogado meu mestrado fora" e ter ido atrás de uma nova graduação.

Eu não acho que eu joguei nada fora, tudo é aprendizado e a gente vai crescendo no caminho.

Ainda estou engatinhando nos meus desenhos, mas quero um dia poder, se não viver deles, dá-los ao mundo.

E quando digo que sou sua fã, não é puxa-saquismo. Eu sei reconhecer gente boa. E você realmente é bom.

É alguém que considero um bom amigo, apesar de não sermos tão próximos.

Enfim, realmente torço por vc.

ps- Posso brincar de Troféu Cata Piolho?

Os Heróis: Batman, Wolverine, Ciclope, Hulk , Capitão América e "obovio", Homem-Aranha

Os “alternativos” – Retalhos, Macanudo, Estranhos no Paraíso (Katchoo XD), Walking Dead, Y, Mouse Guard, Bone, Julia Kendall, Courtney Crumrin.

Só não consegui identificar a galinha (é a Giselda ou ela está com o Bone?) e o cara de boina. ^^

Acertei o resto?

Bem, feliz 2011 para todos nós.

Katchiannya disse...

Faltou o Superman. ^^"

Gabi César disse...

Tem mesmo é que seguir seus sonhos! Apoiadíssimo! :)

Junior disse...

Grande Vitor!

Rapaz, acabei de ler seu post e era justamnet isso que eu precisava "ouvir"! Estava desanimando de investir no desenhor, mas esse ano de 2011 vou começar a dar passos mais concretos na direção do meu sonho, que, aliás, é bem parecido com o seu...

Parabéns pelo seu trabalho e pelo que ele representa pra todos nós! Que em 2011 venham grande realizações e muitas alegrias!
Deus te abençoe
Abraço
Junior

Flávio Alves Paixão disse...

Belíssimo texto, Vitor!
Sigo esta mesma corrente de pensamento já há algum tempo.
Você expressou exatamente o que
sinto em relação a trabalhar com Histórias em Quadrinhos.
Agora, sou mais ainda se fã.
Feliz Ano Novo!!
Abraço

ken disse...

velho, vc é meu Heroi!!!
parabéns, eu acompanho a um tempo o seu blog, e tenho orgulho de dizer que toda santa semana, na sexta-feira,eu entro na internet já pensando na próxima aventura do pequeno parker, espero que vc consiga oq quer...

Matheus Ulisses Xenofonte disse...

O que achei mais engraçado foi minha leitura seletiva (que não é lá essas coisas) pulou de "eu sei bem quem quero ser" pra " o Homem Aranha". Feliz ano novo e continue o ótimo trabalho.

Dominic disse...

Lição de vida!
Adorei mesmo Vitor :)
Você é minha inspiração! :DD

Fabio disse...

Com certeza vc ja deu um grande passo.

E pode ter certeza, de que muita gente sonha em um dia ser como o Cafaggi, gostaria de ter metade do seu talento, você ja é um dos meus desenhistas preferidos cara, ao lado de muita gente grande, tenho 32 anos e meus principais artistas, são Romita (pai e filho), Mauricio, Kirby e dentre essas feras todas um carinha novo chamado Cafaggi.

Grande abraço e continue vivendo o sonho.

Anderson Butilheiro disse...

Como sempre, Cafaggi, mesmo quando vc não manda uma do Parker, vc manda bem!! Tenho curtido muito os quadrinhos do Valente, além do próprio Puny, e esse seu texto de hoje vem só completar a admiração que tenho por você, cara!!

Parabéns mesmo pelo sonho sendo vivido e pela sua postura, corajosa, de não fazer pelo dinheiro, mas pelo prazer!!

Boa sorte com tudo aí!!

Dango Costa disse...

Que engraçado eu ler isso agora... estou passando por uma fase meio assim. :)

Já tinha passado nesse blog antes, mas pq da correria, não voltei... esqueci! Volto agora e me divirto e me emociono muito com tuas tirinhas. Vc é muito bom! Parabéns!